quinta-feira, 7 de novembro de 2013

Tirar a fralda. Será que já é hora?

Esta é uma pergunta que todos se fazem quando o filho/a começa a avisar que já fez xixi, ou a escola dá a dica de que já esta na hora ou até a criança começa a arrancar a fraldinha.

Na minha experiência a escola falou: - Esta na hora. Eu olhava para ela e me perguntava, será? Ela ainda é tão pequeninha! Eu mesmo argumentava.
Até que percebi que na verdade este sentimento era meu e não da minha filhinha. E assim começou o processo de tirar a fralda.

A grande dica é: Quando começar o processo não volte atrás.
É importante que a criança sinta-se segura com este novo momento. Se em algumas horas tiramos a fralda e outras colocamos, a criança não terá um parametro e rotina e o processo pode ser mais penoso.

O ideal é fazer este momento ser divertido e é mais uma oportunidade de interagir elogiando e batendo palmas quando a criança pedir para fazer xixi no pinico ou na privada com adaptador.

Outra maneira de fazer este momento legal, é  colocar calcinha e cuecas coloridinhas e mostrar para a criança que agora ela esta crescendo e pode usar calcinha e cueca como a mamãe ou o papai.

É claro que vai acontecer de escapar varias e varias vezes até que a criança tenha a firmeza de conseguir segurar até chegar no pinico ou privada. 

Agora que começará o verão, por ser mais quente, é uma ótima oportunidade para ir em frente e tirar a fralda do seu filho/a. 

Então fica a dica,
Um grande abraço,

Equipe "Os Clubinhos"  
www.OsClubinhos.com.br

http://osclubinhos.com.br/inicial/menino/kit-cueca-lisa/http://osclubinhos.com.br/inicial/menina/kit-calcinha-lisa/

domingo, 21 de julho de 2013

Curiosidade na gravidez


A curiosidade é um sentimento que nos acompanha durante toda a gravidez.

Primeiro, antes de sabermos que estamos grávidas, naquele momento em que desconfiamos no intimo do coração, e ao fazer o teste vem aquele sentimento de incerteza antes de sair o resultado.

E quando dá positivo é aquela alegria!!!! Realmente o sonho vai se realizar.

Então começa a segunda expectativa. Será que é menino ou menina?

Hoje temos exame de sangue para saber a resposta bem no comecinho da gravidez, no entanto poucos  planos de saúde cobrem o valor deste teste. Para muitas, o melhor é esperar entre os 4 e 6 meses para saber ao certo o  se é menina ou menino.

Depois que descobrimos começamos a focar nossa curiosidade em saber como será que vai ser o rostinho do tão esperado bebê, parecido com a mamãe ou com o papai?

Usamos da tecnologia existente para tentarmos descobrir, utilizando ultrassom 3D e até 4 D, mas a verdade é que ainda não temos a tecnologia para saber quais características realmente  nosso bebezinho terá. Todas estas perguntas que ficam no fundo do coração serão a grande surpresa que teremos no dia mais esperado de todos,  o dia do nascimento.

E é neste momento que começa a maior curiosidade de todas, Como será minha vida junto a este ser tão pequeninho e que depende tanto de mim?

E esta é uma resposta será respondida durante a convivência com este ser tão importante e que nos trás o sentimento mais puro de amor.

Agora uma coisa é certa, o tempo passa voando.

E para guardar esta recordação tão gostosa de lembrar em fotos, temos uma ideia super criativa e divertida, o Body 12 meses, um para cada mês de vida do seu bebê. E sabe o que mais legal, é que na festa de 1 aninho, você poderá ver a mudança das fases mês a mês.

                     http://osclubinhos.com.br/inicial/body-bebe-menino/12-bodys/

terça-feira, 14 de maio de 2013

Lição de casa - Até que ponto ajudar a criança?

Toda criança passa pela escola e se depara com as famosas tarefas de casa, que são exercícios propostos pelos professores para incentivar o estudo, firmar os ensinamentos da escola, aprofundar o conhecimento e preparar a criança para os novos conteúdos que ainda serão apresentados na escola.

 
Através da lição de casa os professores podem avaliar as dificuldades de aprendizagem dos alunos. Em sala de aula junto com amigos e suporte do professor o aluno pode não demonstrar as dificuldades das matérias. Ao chegar em casa, o desafio é fazer os exercício sozinhos e assim o professor consegue obter uma diferente percepção.

 

Muitos pais acabam ajudando os filhos nas tarefas escolares e o questionamento é sempre o mesmo:
 
 Devo ou não ajudar meu filho na tarefa de casa?
 
 
 
 A resposta é sim.


Os pais tem papel fundamental e devem auxiliar os filhos. Agora o importante é não resolver os exercícios para eles. Este é o maior desafio, se conter ao ver a criança com dificuldade.
 
A maioria dos adultos tende a fazer o exercício e explicar para o filho, que na verdade, acaba por copiar as respostas dos pais.
 
Se o objetivo da lição é ver se a criança entendeu o conteúdo ensinado em classe, então é isso que nós pais devemos ter em mente ao auxiliar a criança a fazer a lição e perguntar a si mesmo: Estou dando espaço para que ele aprenda ou estou apenas fazendo o exercício por ele?
 
A maneira correta é deixar a criança pensar, questionar e até mesmo errar. A criança fazendo sozinha seu dever de casa aprende assumir responsabilidades, tem noções de organização de tempo, como por exemplo, fazer o dever, depois lanchar e depois brincar, respeitar a rotina proposta pelos pais e reforçar os ensinamentos que foram passado dentro da sala de aula.
 
Então a melhor forma de lidar com a questão de ajudar os filhos nos exercícios da escola é ter o equilíbrio. Ajudar até certo ponto, sem ultrapassar os filhos, sem impor nossos conhecimentos. A criança tem o direito de errar na lição de casa. O que ocorre com frequência são os pais soprando as respostas certas para que o filho leve para a escola o dever de casa 100% correto e isso acaba sendo um erro fatídico.
 
Os professores precisam saber as dificuldades dos alunos e essas dificuldades são refletidas de diversas formas, inclusive avaliando as questões escolares vindas de casa.
Por isso dê a devida atenção solicitada pela criança, mas deixe também ela errar, esta etapa é importante para que ela se dê conta e aprenda. Às vezes é mais produtiva esta maneira do que a criança entregar a tarefa correta e não ter entendido o exercício.
Assim, você estará incentivando seu filho a acreditar em si próprio e reforçando o amor que tem por ele.


 Um grande abraço,




Equipe "Os Clubinhos"

fonte das foto: Google

Visite nossa loja --> www.osclubinhos.com.br
 
 
 
Para ter dicas diárias curta nossa página no facebook--> http://www.facebook.com/osclubinhos

segunda-feira, 6 de maio de 2013

Ser mãe


 
Está chegando um dos dias mais importantes do nosso calendário comemorativo: O dia de nossas amadas mamães!!!
 
 
 
Toda mãe já foi uma criança que brincou de boneca e sonhou em um dia ter um filho. Quando este momento se realiza é uma dádiva de Deus que nos toca o coração e nos torna uma pessoa completa enchendo com o mais puro sentimento do mundo o AMOR.

A mulher tem uma extraordinária graça divina, o dom de gerar uma vida. É neste momento em que podemos refletir o quão maravilhoso é a nossa existência neste mundo com o contato do divino e da criação.

A expectativa da chegada de um bebê é um dos momentos mais plenos e maravilhosos que uma pessoa pode viver. Quando na sala de parto houve-se aquele silêncio de tensão antes do nascimento que é quebrado pelo primeiro choro “Unhe...Unhe...”; A emoção toma conta e certamente o sentimento é o maior que qualquer pessoa pode ter. Parece que neste momento o instinto de maternidade que vem sendo criado nos nove meses de gestação, nasce juntamente com o nenê em um mix de responsabilidade com um amor intenção que não existe denominação a não ser uma única palavra. Mãe.

A partir do nascimento do filho, a Mamãe vai ter experiências diferentes de tudo que já se viveu anteriormente. Noites mal dormidas, choro constante, uma demanda enorme, mas por outro lado alegrias nunca imaginadas, as primeiras palavrinhas da criança, uma emoção na primeira vez que se houve MAMÃE da boquinha linda do filho amado.

Dizem que é como vídeo game, cada fase que se passa vem uma mais desafiadora. No entanto, a mãe com sua perspicácia e coragem passa por todas elas com luta, mas sempre com muito amor e carinho.

Quando somos mães entendemos melhor a postura da nossa querida mamãe.

Não importa classe, cor, crença ou sexo... Todos nós fomos gerados por essa figura dadivosa que nos deu a vida. Ela nos doou um espaço dentro si para que fossemos nos desenvolvendo até que prontos, nascemos para estar neste mundo, na nossa realidade.

Muitos acham que é hipocrisia comemorar essa data num único dia. Mas por que não dedicar um momento e fazer uma pausa em dias com tantos compromissos e nos dedicarmos a quem nos deu nosso dom maior: A VIDA?

Por isso, nesse segundo domingo de maio, data em que é comemorado o dia dessa mulher tão especial, faça uma homenagem à ela, seja com flores, seja com um telefonema ou com presentes. O importante é que, por um instante canalizemos todo nosso carinho, toda nossa gratidão, enfim todo nosso amor para este ser que é único nas nossas vidas: NOSSA MÃE. Afinal, sem ela não estaríamos tendo essa conversa. ;)
Feliz dia das Mães para todos nós!

Um grande abraço,

Equipe "Os Clubinhos"

fonte das foto: Google

Visite nossa loja --> www.osclubinhos.com.br
Para ter dicas diárias curta nossa página no facebook-->http://www.facebook.com/osclubinhos

domingo, 28 de abril de 2013

A gripe que vem com o inverno


Nada dói mais para os pais que ver os filhos doentes. E nessa época do ano o aumento de crianças com gripe é significativo. A mudança de estação e as variações de temperatura, que ocorrem quase que diariamente, acabam enfraquecendo o organismo dos pequeninos que sofrem com a gripe no inverno.


Corpinho mole, falta de apetite, secreções, tosse, dor na garganta, desânimo, alterações de temperatura, como a febre, a gripe vem com força na estação mais fria do ano. Para proteger as crianças dessa doença o indicado é alimentação saudável, agasalho e proteções básicas como chinelos nos pés.

A alimentação da criança deve ser balanceada e rica em nutrientes saudáveis em especial a vitamina C, que auxilia no combate a gripe, formando uma barreira natural de proteção. Estimule seu filho a chupar uma laranja por dia em qualquer época do ano, o consumo de cenoura também fortalece o organismo contra ao vírus da gripe, limonada e acerola são sucos que podem ser inseridos na alimentação das crianças pelo menos 3 vezes por semana. Para disfarçar o gosto do limão que a criançada não gosta muito pode bater outra fruta junto, como o morango, que vai dar uma corada no suco e não anula a vitamina C.



A inserção desses alimentos na alimentação das crianças já vai aumentar a resistência dos pequenos contra o vírus da gripe. Outras medidas que devem ser adotadas são os cuidados da vovó, como não andar descalço para não pegar friagem, ao anoitecer troque a blusa da criança por uma de pano um pouco mais grosso para proteger o pulmão, uma colherzinha de mel por dia também vai fazer um bem danado, não ligar o ventilador e ar condicionado após o banho, não lavar os cabelos a noite e não tomar água completamente gelada, sempre optar por misturar a água. Esses cuidados fazem toda a diferença para prevenir doenças como a gripe. 




Agora se mesmo assim a criança acabar ficando gripada com a chegada do inverno, o tratamento certo deve ser indicado pelo pediatra. A automedicação é perigosa para as crianças que geralmente não tem a resistência de um adulto. Provavelmente o médico irá passar xaropes para expectorar e diminuir as tosses e resfriados, algum remédio a base de vitamina C e se o caso estiver mais avançado uma nebulização por dia será necessária, para ajudar a criança respirar melhor durante a noite, eliminando as secreções nasais, que tanto incomodam os pequenos.



 Um grande abraço,

Equipe "Os Clubinhos"



fonte das fotos: Google

Visite nossa loja --> www.osclubinhos.com.br 
Para ter dicas diárias curta nossa página no facebook--> http://www.facebook.com/osclubinhos

domingo, 21 de abril de 2013

Chupeta- Usar ou não usar?



Uma noite mal dormida, um choro incessante, uma agonia em não conseguir parar o choro do bebê. Assim é a noite, e até mesmo o dia, de muitas mamães e papais que não sabem o que fazer para acalmar seu filho.



Nesse instante surge a pergunta que não quer calar : É recomendado usar chupeta?







O bebê já nasce com o instinto de sugar. Essa sucção está diretamente ligada à alimentação (amamentação) e a uma satisfação psicoemocional, ou seja, a sensação de prazer. Por isso o bebê se acalma quando chupa chupeta, pois esse ato conforta por ser algo bom, assim como mamar.

A chupeta certamente traz grandes benefícios, interrompe automaticamente o choro e acalma a criança. No entanto é importante ter cuidado para que seu uso seja apenas uma distração e não um objeto de controle. O bebê não pode associar qualquer problema, como cólica, fome ou desconforto com a solução na chupeta. Para isso papais e mamães devem controlar o uso. Não é indicado, por exemplo, que o uso da chupeta dure a noite toda isso pode ocasionar algum problema muscular, a respiração pela boca acaba sendo inevitável e o bebê acaba aderindo a chupeta como apoio emocional, o que é prejudicial para seu crescimento e desenvolvimento. Além de influenciar mudança na posição dos dentinhos e da mordida, que pode ficar torta ou cruzada.





Segundo dados da Associação Brasileira de Odontopediatria e o Ministério da Saúde a chupeta deve ser retirada completamente no máximo até três anos de idade. Essa retirada deve ocorrer de forma gradual e pode começar a partir dos dois anos da criança.


Algumas informações são importantes na hora de escolher a chupeta ideal para o seu bebê como o tamanho do bico e o formato, que deve ser virado para cima em relação a boca. Para os recém nascidos pode ser a de silicone e com o bico especial, bem pequenininho. É importante observar também o apoio da chupeta (a parte que fica para fora) que deve ser pelo menos três vezes maior que a boca do bebê e de preferência os de formato esticado. Evite as chupetas redondas. O apoio deve ter dois ou três furinhos de cada lado, para facilitar a respiração e o indicado é não amarrar a chupeta com nenhum tipo de cordão ou pregador.

Importante
Higiene
Assim como qualquer utensílio deve ser muito bem limpo e esterilizado. A chupeta pode transmitir bactérias que atacam o estômago das crianças. Para evitar que isso aconteça é recomendado ferver todos os dias a noite junto com mamadeiras e bicos por 5 minutos e conservar em um pote limpo e fechado, para evitar insetos e a proliferação de micro-organismos.   Fissuras, cortes, bico inchado ou manchas podem aparecer por isso as chupetas devem ser trocadas constantemente.

Esperamos ter ajudado na decisão de usar ou não chupeta, 

Um grande abraço,
Equipe "Os Clubinhos"


fonte das fotos: Google


Visite nossa loja --> www.osclubinhos.com.br 
Para ter dicas diárias curta nossa página no facebook--> http://www.facebook.com/osclubinhos

quarta-feira, 6 de fevereiro de 2013

Fantasia Infantil do Mário Bros - Faça em casa

São, Paulo, 06 de Fevereiro de 2013.



O carnaval está chegando! Que tal fazer uma fantasia diferente para as crianças?

A dica de hoje é a fantasia do Mario Bros.

Muito fácil de fazer, você só vai precisar de:

  • macacão azul ou jeans;
  • camiseta vermelha;
  • boné vermelho;
  • bigode;
  • botões amarelos;
  • feltro branco


Comece pelos botões do macacão, se já tiver os botões amarelos é só substituir os do macacão. Outra opção é forrar com tecido amarelo os já existentes e colocar novamente na roupa.

Depois, pegue um pedaço de feltro (ou outro tecido que tenha em casa) branco, recorte um círculo e faça a letra M vasada. Se quiser ser original, pode colocar a primeira letra do nome de quem irá usar a fantasia.




Agora, o detalhe mais importante, não esqueça do bigode! Prontinho, é só isso! Uma sugetão é fazer com feltro preto ou marron e um elastico.



Se tiver dois meninos, pode fazer também a fantasia do Luigi. É só substituir a camiseta e o boné vermelhos por verde. E a letra do boné, é o L.




As meninas também tem a sua versão, é só substituir o macacão de calça por um de saia:



Agora é só colocar a mão na massa e bom divertimento!



Um abraço,

Equipe Os Clubinhos



fonte das fotos: Google





segunda-feira, 21 de janeiro de 2013

Dedoche - Fantoches de dedos garantem muita diversão pra criançada

São Paulo, 21 de Janeiro de 2013.
www.OsClubinhos.com.br

Olá!

Hoje trazemos uma dica de atividade para fazer junto com as crianças, que garante diversão durante e após a atividade.

Veja como é fácil fazer "dedoches", os fantoches de dedos:


Você vai precisar de: feltro, cola universal ou para tecidos, linha e agulha, canetinhas e adereços.

Comece fazendo um molde medindo o dedo das crianças. Depois é só recortar. Lembre-se que precisaremos de 2 moldes iguais para fechar o dedoche (frete e costas).



Agora deixe a imaginação das crianças tomar conta da atividade e faça monstrinhos, animais, bonecos...



O fechamento do dedoche (nas laterais) pode ser feito de 2 formas:

1 - com cola: apenas passe uma camada de cola nas laterais, lembrando sempre de deixar o fundo aberto, por onde colocaremos o dedo.


2 - costurando: costurando as laterais, também fica um acabamento bem interessante, mas deve ser feito pelos adultos. Use uma cor de linha para contrastar com o feltro, fica lindo!





Depois os detalhes podem ser feitos com canetinha, pelas crianças, como os olhos bocas. Se tiver lantejoulas, miçangas ou outros adereços para incrementar, melhor ainda!

 

Agora é só por a mão na massa e bom divertimento!

Um abraço,

Equipe Os Clubinhos
fonte das fotos: Google /www etsy.com
Segue algumas sugestões da nossa loja, CLICK para visualizar: